Villas-Boas chega ao Chelsea com humildade

Pelo menos nas palavras, André Villas-Boas já começa a tentar se diferenciar do rótulo de "Novo Mourinho". É bem verdade que o ex-treinador do Porto e agora comandante do Chelsea também já ficou famoso por algumas declaraões polêmicas, mas em sua chegada a Londres - em viagem feita no jatinho do dono do clube, Roman Abramovich, segundo os jornais ingleses - o português adotou a humildade como tom de suas declarações.

Em entrevista à Chelsea TV, Villas-Boas garantiu que não se considera "especial", como Mourinho e declarou que a força do conjunto e o envolvimento da torcida são fundamentais para seu sucesso no clube londrino.

- Não se pode esperar tudo de uma pessoa só. Podem esperar um grupo dinâmico e unido, é isso o que vamos tentar fazer. Queremos a torcida ao nosso lado, motivada e é isso o que importa, não a minha chegada. Temos é que continuar o sucesso deste grande clube - disse o treinador, de 33 anos, que já posou para fotos com a camisa do novo clube.

Andre Villas-Boas é apresentado como técnico do Chelsea (Foto: Getty Images)Andre Villas-Boas é apresentado como técnico do Chelsea

Apesar disso, tudo o que Mourinho ganhou no Chelsea serve como exemplo para Villas-Boas, que agora mira um título que o seu antigo professor deixou escapar no clube: a Liga dos Campeões.

- Vamos pensar no sucesso do clube nos últimos anos e tentar buscar repetir isso no futuro. Não há dúvida de que é um grande desafio para mim, mas estou faminto por sucesso - completou.

Villas-Boas anunciou sua saída do Porto, onde conquistou quatro títulos na última temporada, entre eles a Liga Europa e o Campeonato Português invicto, por meio de um fax enviado à diretoria na terça-feira. A decisão causou irritação em dirigentes e torcedores do Porto, mas não teve jeito. O Chelsea pagou o valor da multa rescisória do contrato do técnico e anunciou a contratação do português por três temporadas.

0 comentários: